Nova edição da Laje está nas ruas

A edição de julho/agosto do jornal A Laje, vinculado ao MNPR (Movimento Nacional da População de Rua) começou a ser distribuída  na semana passada.

O número 25, conta com matérias como a dos Consultórios na Rua, a participação do Movimento na Conferência Municipal de Assistência Social e o perfil da Andreia, que morou na rua e hoje está numa casa de recuperação.

Em breve, você poderá conferir a nova edição no blog da Laje. Aguarde!

NCEP firma nova parceria

Na terça-feira, 24 de setembro, o NCEP deu início a uma nova parceria. O projeto é a rádioescola do CAIC Guilherme Lacerda Braga Sobrinho, que fica no Sítio Cercado e atende alunos da rede municipal de ensino.

O projeto é extracurricular e os alunos que fazem parte da equipe são escolhidos a partir de um processo de seleção. A rádio, que antes era produzida e veiculada nos estúdios da Prefeitura de Curitiba, agora será inteiramente feita dentro da escola e assessorada pela equipe do NCEP, que já fez a primeira oficina com os alunos, falando sobre a história do rádio.

O CAIC (Centro de Atenção Integral à Criança e ao Adolescente) é um complexo que oferece serviços sociais de saúde e educação, que procura ajudar crianças e adolescentes carentes e prepara-los para o exercício da cidadania. O Centro partiu de uma ação federal e teve início nos anos 80, com a construção da estrutura física do complexo e faz parte das iniciativas para educação integral.

Acompanhe o desenvolvimento do projeto pelo blog e páginas do NCEP no facebook e twitter!

www.ncep.ufpr.br

twitter.com/ncep_ufpr

facebook.com/ncep.ufpr

Alunos do Colégio Manoel Ribas visitam a UFPR

Na segunda-feira, 26 de agosto, os alunos do Colégio Estadual Manoel Ribas visitaram os estúdios de rádio da UFPR e gravaram as chamadas que serão usadas no primeiro programa da rádio da escola, que ainda não tem data para ir ao ar.

Os alunos aproveitaram a visita para decidirem o nome da rádio – Manecão Online -, quem serão os apresentadores e o roteiro do programa.

Por conta da falta do técnico da rádio, os alunos gravaram as chamadas da Manecão Online na Ilha de Edição da universidade e já programam outra visita aos estúdios da UFPR para produzirem as vinhetas do programa.

Confira abaixo o vídeo da visita:

Alunos do Colégio Estadual Manoel Ribas gravam primeiras entrevistas

As entrevistas que vão estruturar as primeiras reportagens radiofônicas de adolescentes do Colégio Estadual Manoel Ribas foram concluídas na semana passada. Os estudantes, do nono ano, receberam auxílio técnico e teórico dos universitários Amanda Pupo, Anderson Amorim, Bruna Letícia, Fernanda Tieme, Mário Teixeira e Victoria Tuler.

A atuação do NCEP consiste em aulas semanais que facilitam a construção de um ecossistema comunicacional no colégio, de modo que os jovens protagonizem um pensamento crítico e cidadão sobre o consumo e a produção de mídia. Seguindo essa lógica, oficinas de edição das reportagens serão realizadas após as férias de julho.

Mário Teixeira

Estudantes do Colégio Estadual Manoel Ribas apuram dados para primeiras reportagens

Em aula no laboratório de informática do Colégio Estadual Manoel Ribas, alunos do nono ano apuraram dados e prepararam entrevistas que vão fundamentar suas primeiras reportagens radiofônicas. A apuração foi realizada na última segunda-feira (24) com auxílio teórico e técnico dos universitários Amanda Pupo, Bruna Letícia, Bruno Murakami, Fernanda Tieme, Giovana Oshiro, Lincoln Zanardine, Mário Teixeira e Victoria Tuler.

Os temas dessas matérias haviam sido definidos na aula anterior (17), seguindo a lógica de trabalho do NCEP, de facilitar a construção de um ecossistema comunicacional no colégio. O principal objetivo é que os adolescentes protagonizem um pensamento crítico e cidadão sobre o consumo e a produção de mídia.

Mário Teixeira

Alunos do Colégio Estadual Manoel Ribas realizam primeira reunião de pauta

Estudantes do nono ano do Colégio Estadual Manoel Ribas, na Vila das Torres, fizeram sua primeira reunião de pautas jornalísticas na última segunda-feira (17). Os adolescentes, cujas idades variam de 13 a 14 anos, têm o apoio teórico e técnico do NCEP por meio dos universitários de Jornalismo Amanda Pupo, Bruna Letícia, Fernanda Tieme, Giovana Oshiro, Mário Teixeira e Victoria Tuler.

A atuação do NCEP consiste em aulas semanais que facilitam a construção de um ecossistema comunicacional no colégio, de modo que os jovens protagonizem um pensamento crítico e cidadão sobre o consumo e a produção de mídia. As pautas foram discutidas no terceiro encontro, já que, nos dias 3 e 10 de junho, o trabalho se voltou à História do rádio e às técnicas de entrevista, respectivamente.

Mário Teixeira

Chamada de trabalhos sociocomunicativos e inscrições de ouvintes para IX Conferência Brasileira de Mídia Cidadã estão abertas

A participação na IX Conferência Brasileira de Mídia Cidadã, de 6 a 8 de agosto no campus Juvevê da UFPR, poderá ser de duas formas: como apresentador(a) de trabalhos sociocomunicativos e como ouvinte. Até 31 de maio, artigos científicos, relatos de experiência, vídeos, obras de arte e amostras de veículos comunitários que se enquadrem na temática do evento podem ser submetidos à organização pelo site www.midiacidada.ufpr.br. No mesmo endereço, estão disponíveis as normas e os valores da inscrição.

O foco da conferência este ano serão os marcos regulatórios da comunicação na América Latina. Mas também haverá espaço para discussões mais gerais sobre produção e consumo midiáticos que estimulem pensamento crítico e engajamento social. Nesse sentido, já foram confirmados palestrantes internacionais como o senador argentino Walter Barrionuevo, defensor da regulação audiovisual em seu país, e o representante uruguaio da Coalición por una Comunicación Democrática, Mauricio de los Santos.

Para acompanhar notícias relacionadas ao evento e a movimentos políticos nacionais e estrangeiros pela democratização dos meios, curta a página dele no Facebook (fb.com/IxConferenciaBrasileiraDeMidiaCidada) ou siga o perfil no Twitter (twitter.com/midiacidada2013).

Mário Teixeira

Núcleo de Comunicação e Educação Popular seleciona novos integrantes na próxima quinta (25)

O Núcleo de Comunicação e Educação Popular da UFPR (NCEP) realizará processo seletivo para novos membros, próxima quinta-feira (25) às 13h30, no Departamento de Comunicação Social (DECOM), localizado na rua Bom Jesus, 650 – Juvevê, Curitiba. Para a seleção, na base de entrevistas, esperam-se alunos das três habilitações de Comunicação Social da universidade: Jornalismo, Publicidade e Propaganda e Relações Públicas. Até quarta-feira (24), os interessados precisam registrar seus nomes na portaria do DECOM.

A convocação de novos integrantes está relacionada ao plano do NCEP de multiplicar projetos como o da Escola Estadual Herbert de Souza (vídeo acima) e do Movimento Nacional da População de Rua (abaixo). Assim, mais estudantes de escolas públicas e membros da sociedade civil poderão se beneficiar de redes educomunicativas criadas e fortalecidas pelo Núcleo.

Mário Teixeira

Encontro internacional sobre juventude e tecnologia finaliza primeiro lote de inscrições na próxima segunda

O II Encontro Internacional sobre o uso de Tecnologias da Informação por Crianças, Adolescentes e Jovens Adultos, em 16 e 17 de maio, conclui seu primeiro prazo de inscrições na próxima segunda-feira (15 de abril). É o período com a tabela de preços mais baratos para alunos de graduação, professores e público em geral que deseje comparecer ao evento no campus Higienópolis (SP) da Universidade Presbiteriana Mackenzie.

Dentre as palestras e mesas redondas que vão compor o encontro, haverá uma apresentação do Prof. Dr. Luli Radfahrer (vídeo abaixo) a respeito do “problema da educação em um universo autodidata, multidisciplinar e conectado” das 15 às 16h no dia 17. Em seguida, das 16h30 às 17h30, a Profª. Ms. Solange Duarte Palma de Sá Barros explicará por que a “formação da cidadania digital começa na escola”.

Para se inscrever, conferir valores e toda a programação, acesse http://ead.mackenzie.br/eventos/course/view.php?id=9.

Mário Teixeira

TV dos Trabalhadores veicula programa sobre a democratização da comunicação

O diretor de comunicação do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC (SMABC), Valter Sanches, o diretor da empresa Oboré, Sérgio Gomes, o escritor Vito Giannotti e o radialista Chico Lobo dialogaram sobre a democratização da comunicação no programa “Clique Ligue”, da TV dos Trabalhadores. A conversa de cerca de 40 minutos foi dividida em três blocos e colocada ontem no YouTube.

No primeiro segmento, Sanches desfez um engano comum sobre a regulação democrática da mídia: “[...] quando a gente fala em democratizar, não é pra calar a boca de quem já tem voz. É pra dar acesso a mais vozes que possam chegar à televisão, ao rádio, aos jornais, às revistas etc.”

De acordo com Lobo, na segunda parte, os novos comunicadores “[...] estão aprendendo a reproduzir modelo, simplesmente isso. Eles não estão sendo estimulados, de fato, para apresentarem uma nova linguagem, uma nova versão do fato, a versão popular, a versão do ‘ele’ cidadão.”

No último bloco, o representante da SMABC lançou uma provocação: “Por que que a população pobre, negra, deficiente, idosa não tem espaço na TV? Porque é feio. É feio pelos padrões estéticos estabelecidos pelos grandes grupos econômicos que querem vender produtos nos intervalos.”

Mário Teixeira